Saiba como dar nova vida aos fios ressecados e enfraquecidos

Sol, piscina, praia, secador, chapinha, tintura e outros tratamentos químicos são alguns dos fatores que danificam os cabelos no dia a dia - ainda mais depois de um verão intenso. O resultado? Fios quebradiços, com pontas duplas, muito frizz e pouco brilho. Mas não há razão para se desesperar, é possível reverter os estragos e garantir uma verdadeira renovação capilar. Confira abaixo  um vídeo repleto de dicas de Gui Cassolari, cabeleireiro consultor da Natura.
 

Saiba como dar nova vida aos fios ressecados e enfraquecidos

1. Os desafios da estação mais quente do ano 
Gui Cassolari explica que durante o verão existem quatro grandes vilões para os cabelos: sol, areia, vento e piscina. "O primeiro, por conta da ação do raio ultravioleta, que resseca e desidrata os fios. A combinação da areia com o vento forma um esfoliante natural que deixa os fios mais ásperos, ressecados e embaraçados. O cloro, presente nas piscina, tem micropartículas que penetram profundamente no fio, danificando-o."

2. Medidas emergenciais
"Lavar os cabelos com água doce logo após sair do mar ou da piscina é o primeiro passo. Além disso, é preciso investir em produtos específicos para a proteção dos fios durante a exposição ao sol, como é o caso do Natura Plant Fluido Solar Reparador. Por fim, é recomendável intensificar o tratamento com linhas específicas durante o verão. A linha Natura Plant Hidratação Reparadora está com nova fórmula e possui produtos desenvolvidos especificamente para o cuidado intensivo dos cabelos ressecados ou danificados.

3. Cápsulas de força 
Um dos itens recomendados por Gui Cassolari, as Cápsulas Fortificantes de Natura Plant. Elas abrigam um complexo de óleos que forma um escudo protetor e repara a estrutura interna dos fios, deixando o cabelo mais forte e com quatro vezes menos pontas duplas desde o primeiro dia de uso. Basta torcer a cápsula até rompê-la, espalhar o conteúdo na palma da mão e aplicá-lo sobre o cabelo seco. Não é preciso enxaguar.

0 comentários:

Postar um comentário